quarta-feira, 25 de julho de 2012

MISSA 'AMIGOS'

Não adianta os neoconservadores, enfiar goela abaixo a Missa de Sempre dentro da CN, sendo que os mesmo fazem do ‘batismo’ no ‘espírito’ ‘santo’ (cópia dos hereges ‘pentecostais’), uma obrigação como se fosse um novo sacramento, enrolar a língua e balbuciar como as seitas pentecostais fazem falsamente dizendo que é o dom de língua, cair e rola no chão e falarem que estão repousando no ‘espírito’, algo que até o Bispo apoiador desta seita interna já se pronunciou dizendo que isso tem origem nas seitas protestantes, ficarem batendo palmas no novo ordo como se a Missa fosse uma festa, balança as mãozinhas para o alto com se estivesse em um show, cantar as musiquetas de estilo protestante durante o novo ordo isso sem comentar os etc, etc de erros grotescos que comete a CN teologicamente.


Os neoconservadores são os piores inimigos que a Igreja tem, pois tampam o sol com a peneira, inserindo a Missa de Sempre dentro da CN, para que o falso ‘batismo’ no ‘espírito’ e suas caricaturas de falsos ‘carismas’ sejam aceitos por todos.

Se algum católico se agrada com o modo de ser e a teologia protestante ‘pentecostal’, que saia da Igreja e vá embora, pois a Igreja não aceita e nem comunga com está imundice

4 comentários:

Roosevelt de Castro disse...

Mensagem do Papa São Gregório Magno à RCC - http://espelhodejustica.blogspot.com.br/2012/06/mensagem-do-papa-sao-gregorio-magno-rcc.html

”O dom das línguas é um milagre não para os fiéis, mas para os infiéis” (I Cor, XIV,22).

stefan disse...

GRUPOS SINCRÉTICO-RELIGIOSOS, SEITAS PENTECOSTAIS PROTESTANTES OU PSEUDOS RCCs ?
Sabemos que Satanás tem predileção especial por subverter os católicos transformando-os em cismáticos ou hereges, sem citar os inúmeros de fé mal formados ou deformados, coadjuvados por alguns leigos e sacerdotes apostasiados e da herética TL, infestando ainda mais a Igreja de dissensões, ex.: ex freis Boff, Betto e o famoso Pe Fábio de Melo, defensor de "cristificação", "evolução dogmática", CEBs repletas de "gente boa", frei Betto, "homem fabuloso e + relativistas.
Doutro lado, as seitas evangélicas quase todas pentecostais, doutrinário-relativistas aos quase 35 000 denominações em galpões, com um culto semelhante a centros espíritas, com gritaria geral, expulsão de supostos maus espíritos para curas, sessões de descarrego, pessoas caindo ao chão, outras em aparentes transes, bem semelhantes a certos supostos grupos hilariantes "auês" RCCs, procedendo como cismáticos, rebeldes às instruções da Igreja, fantasiados de católicos. Veja bem: até os protestantes tradicionais questionam os próprios irmãos por tais comportamentos, tachando-os de "espíritas disfarçados de evangélicos"! E notem: sectários acusando a irmãos de herejes...
É bom notar que a Igreja está infiltrada desde a década de 30 por Stálin de comunistas e outras sociedades secretas, insuflando a confusão em movimentos eclesiais, como as CEBs, pela perversa e apóstata TL, como a "Bíblia. Edição Pastoral" da Editora Paulus(Ivo Storniolo e Euclides Blancin).
A situação é complexa: a Igreja é tolhida por grupos em seu núcleo a conspirar contra ela, como os eventuais RCCs dissensos, privilegiando o espalhafatoso, os "auês" religiosos, os enlevos espirituais, podendo confundir fenômenos psicológicos com dons do Espírito Santo; os grupos RCCs são válidos quando devidamente orientados por eclesiásticos competentes, sob rígidas normas às reuniões, caso contrário, assumem protestantismo pentecostal.
Dever-se-ia melhor objetivar a fé, ao invés de ficar à cata de dons especiais carismáticos individuais que sugeririam egoísmo, orgulho, vaidade, auto complacência, fé prazeirosa, experiências místico-divinas, êxtases, etc. Por ex.: sobre o "falar em línguas", diz S Paulo: 1 Cor 14,19: Mas numa assembléia, prefiro dizer cinco palavras com a minha inteligência, para instruir também os outros, a dizer dez mil palavras em línguas. E em 1 Cor 14,22:...as línguas são um sinal não para os que crêem, mas para os que não crêem. São dons individuais que sugeririam egoísmo, auto enlevo, etc., de difícil detecção se provém de si ou do animador com o grupo reunido; idem, nos exorta a esforçar-se em aperfeiçoar-se na caridade que é perene. Veja 1 Cor 12,31 e 13+.
Mais restrições ao "repouso no Espírito" em reuniões, por necessitar de "aprofundamento, estudo e discernimento"; quanto aos exorcismos, atentando-se ao estabelecido no cânon 1172, reservado apenas às autoridades eclesiásticas competentes para discernir com perícia e objetividade o caso.
Por outro lado, o S Padre Bento XVI em viagem a Benin, África, como noutras ocasiões, criticou as liturgias atraentes, emotividades e manifestações ruidosas ou culturais e semelhantes às celebrações litúrgicas como anti eclesiais, instando-nos a um cristianismo "mais simples, profundo, compreensível", sob normas oficiais da Igreja, evitando-se os sentimentalismos, afirmando que tais manifestações emotivistas provêem de seitas pentecostalistas aparentemente compreensivas e atraentes, não passando de "sincretismo religioso e pentecostalismo protestante", advertindo-nos a não os imitar jamais; caso contrário, a Igreja perderia seu caráter de catolicidade, deixando-se instrumentalizar em palco de culturas locais, aparentando sincretismo oriundo da própria Igreja.
Convém notar que há seitas autonomeadas RCCs sem vínculos com a Igreja; mais um esquema de enganação; mais um agregado aos grupos RCCs rebeldes

Cavaleiros de Maria ® disse...

http://ave-gratia.blogspot.com.br



Nosso Blog. Um abraço fiquem na paz de Jesus e Amor de Maria Santissima!!

cledson braga disse...

é incrível como o inimigo odeia a renovação da Fé no catolicismo contemporâneo, as pessoas deveriam temer um pouco mais o inferno, pois postar a foto de um servo feito o padre Jonas, com insinuações incondizentes com a realidade que é a Canção Nova, considero até um pecado, pois o que seria da nossa doutrina se o Espírito Santo não tivesse suscitado esse movimento? movimento sim, seita não. que Deus tenha misericórdia desses comentários.