quinta-feira, 29 de novembro de 2012

RCP - Renovação Carismática Protestante

Veja como nesse livro se confessa que a RCC é de origem protestante:

"Damos por suposta uma continuidade entre neo pentecostalismo católico e pentecostalismo protestante dos anos 1900, bem como entre este e o "revivalismo" americano do século XIX. Essa continuidade é verificável e declarada (embora relativizada na declaração). (Claude Gérest et allii, in Os Carismas, ensaio A Hora dos Carismas, in Revista Concilium, 1977 / 79, Número 129, p.Vozes, Petrópolis, p. 16).
http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=cartas&subsecao=rcc&artigo=20040812210455


...Pecado análogo comentem os que louvam e exaltam os mestre de doutrinas viciosas e errôneas.(IX. 8°oitavo mandamento)

http://www.montfort.org.br/old/index.php?secao=cartas&subsecao=polemicas&artigo=20090703131525&lang=bra

http://blog.missadesempre.com/2008/05/mons-jonas-abibos-pentecostais-so.html

Clique para ampliar:


quarta-feira, 19 de setembro de 2012

terça-feira, 18 de setembro de 2012

quarta-feira, 25 de julho de 2012

MISSA 'AMIGOS'

Não adianta os neoconservadores, enfiar goela abaixo a Missa de Sempre dentro da CN, sendo que os mesmo fazem do ‘batismo’ no ‘espírito’ ‘santo’ (cópia dos hereges ‘pentecostais’), uma obrigação como se fosse um novo sacramento, enrolar a língua e balbuciar como as seitas pentecostais fazem falsamente dizendo que é o dom de língua, cair e rola no chão e falarem que estão repousando no ‘espírito’, algo que até o Bispo apoiador desta seita interna já se pronunciou dizendo que isso tem origem nas seitas protestantes, ficarem batendo palmas no novo ordo como se a Missa fosse uma festa, balança as mãozinhas para o alto com se estivesse em um show, cantar as musiquetas de estilo protestante durante o novo ordo isso sem comentar os etc, etc de erros grotescos que comete a CN teologicamente.


Os neoconservadores são os piores inimigos que a Igreja tem, pois tampam o sol com a peneira, inserindo a Missa de Sempre dentro da CN, para que o falso ‘batismo’ no ‘espírito’ e suas caricaturas de falsos ‘carismas’ sejam aceitos por todos.

Se algum católico se agrada com o modo de ser e a teologia protestante ‘pentecostal’, que saia da Igreja e vá embora, pois a Igreja não aceita e nem comunga com está imundice

Um problema na diocese de Nova Iguaçu, "SE LIGA" MEU JOVEM

Depois de tantos apelos, cartas e solicitações feitas ao bispo desta diocese, para que nos desse uma liturgia conforme as normas litúrgicas aprovadas pela Santa Sé, depois de algumas solicitações para que permitisse a celebração da missa tradicional ao menos uma vez por mês na catedral desta diocese, não fomos atendidos.(continue lendo aqui...)

ATENTEMOS PARA O TEXTO. PRINCIPALMENTE PELA ATITUDE DO "BISPO" em colocar com brutalidade na palma da mão do cristão a sagrada comunhão (com raiva pois o mesmo havia insistido em comungar na boca).


Ainda: o prelado diocesano é um revolucionário que não respeita nem o novus ordo (pensei que só nós não gostávamos).

Se declara um herege (mas não muito, sic ).

Não gosta das coisas antigas, mas se vc não o seguir ele exigirá obediência canônica (ou seja, uso o rigor quando me convém, hipócrita e fariseu).

Resumo é um perfeito servo do capeta.

Obs: deveríamos seguir um cabra desses? Alguns diriam sim (para a desgraça das almas) escondendo-se atrás da velho sofisma da obediência.

O que muito me espanta é como tem gente de viés tradicional que ainda vai numa missa celebrada por um cônsul de Baal.

Acorda, meu amigo. O que vc tava esperando quando foi assistir um pantomima dessas? tava querendo mostrar" comunhão com a Igreja"? Com o bispo maluco?

Vá rezar o terço o procure uma missa verdadeira?

Não venha lamentar na internet os seus fracassos os quais tu mesmo procuraste, deverias ter tomado um tapa na cara na fila da "partilha", talvez acordasse para a tristíssima realidade que é ver a igreja oficial dominada pela seita modernista dos ímpios conciliares, pois tem gente que só aprende apanhando.

Todo caso, se quiser denunciar, faça-o, manda para nunciatura apostólica em Brasília, Secretária dos bispos (Roma), congregação do clero (Roma), sagrada congregação para a doutrina da fé, Roma (que agora tem um cardeal como prefeito que diz e prega que a doutrina da presença real de Cristo na eucaristia não deve ser entendida ao pé da letra, e que o hímen da SSmª. Virgem foi rompido etc...; se tudo isso não der resultado vá ao tribuna eclesiástico metropolitano. Ufa ! cansou? Ainda tem um derradeiro recurso: denuncie para o papa, só não esqueça que foi ele que nomeou todos os responsáveis por cada órgão que citei.

Espero que tenha "se ligado" meu jovem.

Lembre-se: "Quem quer a amizade do mundo, terá a inimizade de Deus" , diz o apóstolo Tiago 4,4.

AMDG

terça-feira, 19 de junho de 2012

Berros e choros em "grupos de oração" da RCC - O perigo do sentimentalismo

Hoje conto uma experiência minha e de muitos católicos que viveram e vivem a fé com muito sentimentalismo.
Pra começar a história, relembre o dia em que você sentiu aquela fisgada, Jesus te pescando, seu momento de conversão.
Nesse dia, aposto que você queria mudar o mundo, certo? Dava vontade de falar de Jesus pra todo mundo, vivia numa choradeira com qualquer música que ouvisse. Na missa queria colocar pra fora todos os sentimentos e etc.
Aí, chega o momento em que a “fé” esfria. Não sentimos mais nada, e na maioria das vezes se perguntamos pra Deus: “Você me abandonou? Porque não sinto mais nada?”.
Pergunto uma coisa: Aquele sentimentalismo todo era fé realmente?
Diz o autor da carta aos Hebreus o seguinte: ”A fé é o fundamento da esperança, é uma certeza a respeito do que não se vê”. (Hb 11,1)
Podemos também afirmar que é a fé é uma certeza a respeito daquilo que não se sente.Na biografia de santa chamada Gemma Galgani conta-se que ela havia recebido os estigmas de Cristo muito cedo. Ela sempre oferecia seus sofrimentos à Deus em expiação pelas almas. Um fato interessante da vida dela é que vivia uma vida tão santa, que era sempre vista com uma luz muito forte quando estava orando e recebia flagelações de demônios durante sua vida. Nossa Senhora aparecia muitas vezes em sonhos.
Certa vez Jesus apareceu para ela e fez um propósito para sua vida : Não sentir nada quando orasse, ter indisposição para a oração, sofrer por não sentir mais um pingo de emoção ao orar, ao ir na Missa, nem quando fosse receber os Sacramentos.
Jesus propôs isso a Gemma Galgani porque queria que ela sentisse o que Ele sentiu na sua Paixão, ou seja, muita angústia e medo a ponto de dizer: “Pai, porque me abandonaste?”
Ela aceitou e com muita paciência, mesmo não sentindo nada, mesmo com tantas doenças que assolavam a vida dela (problemas estomacais, não parava nenhum alimento no seu estômago, e ainda piorava com o incomodo das chagas), perseverou na oração, aguentou os açoites do demônio e oferecia tudo a Deus.
Isso era fé realmente pois ela não sentia mais nada, mas mesmo assim tinha fé que Deus não iria desampará-la e, na vida futura, ou seja, no céu, iria gozar da presença de Deus.Jesus também disse para Tomé quando não cria na Sua Ressurreição: ”Disse-lhe Jesus: Creste, porque me viste. Felizes aqueles que crêem sem ter visto!” (Jo 20,29)
Como então não deixar que o sentimentalismo atrapalhe nossa vida espiritual?
A primeira coisa que devemos fazer é não desistir da oração, mesmo se não estiver com vontade, indisposto, tente persistir. Uma boa dica é a reza do terço. Deixe que Nossa Senhora reze com você e por você. “Depois disse ao discípulo: Eis aí tua mãe. E dessa hora em diante o discípulo a levou para a sua casa”. (Jo 19,27)
Segunda coisa: Se cercar das coisas de Deus e renunciar aquilo que não convém para sua vida. Procure ler as Sagradas Escrituras à Luz do Magistério da Igreja; procure sobre a vida dos santos, pois eles souberam amar a Deus sobre todas as coisas, mesmo com grandes tribulações. Não tenha medo do silêncio, deixe que Deus te dê a Graça de orar, refletir, meditar com muita calma, sem exaltações, porque é muito fácil orar berrando em grupo de oração carismáticos (RCC), (...) a oração de você para Deus no seu quarto, em silêncio não pode ser descartada.
Terceira coisa: Use os Sacramentos da Igreja com frequência: Confissão e Eucaristia. Se examine todo dia e pergunte para si mesmo se você está em comunhão com Deus. Se conseguir, participe da Missa todo dia, comungue todo dia.
Pra terminar, vou deixar uma frase de São Pedro, o nosso primeiro Papa que diz:
“Este Jesus vós o amais, sem o terdes visto; credes nele, sem o verdes ainda, e isto é para vós a fonte de uma alegria inefável e gloriosa,” (1Pd 1,8)
“porque vós estais certos de obter, como preço de vossa fé, a salvação de vossas almas”. (1Pd 1,9) FONTE: Repórter de Cristo

sábado, 14 de abril de 2012

De quem é a culpa, da legalização do homicidio das criancinhas?

Deus jamais ouvirá a oração daqueles que vivem pela a falsidade, fazendo de tudo para ofuscar a fonte da principal causa dos males dos dias de hoje, tudo em nome de uma falsa obediência, enquanto não houver honestidade, irão perder e perder, com isso todos irá sair perdendo devido está massa hipócrita e falsa
 

Se não tem coragem de defender a Santa Missa, a doutrina da Igreja dos erros cometidos pelo o Concilio Vaticano II, quanto mais defender honestamente a vida das inocentes criancinhas.

 

O que mais precisa acontecer para estes, que se diz que são a favor da VIDA e ao mesmo tempo morrem de amores pelo estado laico, e ainda alguns querem justificá-lo como compatível com a fé católica.

Como que seria possível que a fé, poderia ser ‘objeto’ de disputas entre grupos distintos aonde sempre iria sempre prevalecer à maioria.

 

Acordem deste sono profundo, já estão liberando o casamento civil homossexual, já está autorizada a matança das crianças anecefalas, já estão conseguido a retirada dos crucifixos dos estabelecimentos públicos, está proibido à correção paterna e materna nos seus próprios filhos, qual o próximo golpe?

Executar as crianças com síndrome de Down? As com paralisia cerebral? Aonde irá para meu Deus está carnificina...

 

Muitas vezes fico pensando, será que estas pessoas que se dizem que são a favor da vida e ao mesmo tempo é a favor do estado laico estão do mesmo lado, ou será que estão apenas fazendo teatro para algum beneficio próprio.

Será que não conseguem enxergar, que este sistema de governo demoníaco, que acolhem e tratam bem os criminosos das piores espécies, condenam a morte as crianças inocentes sem que nunca ter cometido nenhum crime e muito menos pecado pessoal.

 

A CULPA É DE QUEM?

A CULPA É DE VOCÊ QUE SE DIZ CONTRARIO AO ABORTO E CONTINUA A FAVOR DO ESTADO LAICO, COMO SERIA POSSIVEL A LEI DE DEUS SER ‘OBJETO’ DE DISPUTAR POR GRUPOS DISTINTOS E DE DIFERENTES PENSAMENTOS.

A CULPA É DE TODOS QUE SE DIZ QUE É PRÓ VIDA, AO MESMO TEMPO APOIA A SEPARAÇÃO ENTRE A IGREJA E O ESTADO.

A CULPA É DE TODO O CLERO MODERNISTA QUE NUNCA REVINDICARAM O DIREITO ABSOLUTO DA IGREJA, PERANTE O ESTADO, POIS O ESTADO DEVE ESTÁ SUBMISSO A IGREJA E NÃO A IGREJA SUBMISSA AO ESTADO.

O Papa Pio IX, em seu memorável Syllabus, condena a proposição segundo a qual "é preciso separar a Igreja do Estado e o Estado da Igreja" (no. 55).

 

sábado, 17 de março de 2012

domingo, 12 de fevereiro de 2012