quinta-feira, 18 de março de 2010

Vaticano concluiu as investigações sobre os Legionários de Cristo


Uma equipe de cinco bispos concluiu investigações de oito meses sobre a Congregação dos Legionários de Cristo

Apesar de o Vaticano não ter divulgado nenhum comentário sobre as investigações, houve a especulação que a Santa Sé deve apontar um novo chefe para a perturbada ordem religiosa. O jornalista do Vaticano Sandro Magister do L'Espresso disse: "Um comissário enviado pelo Vaticano assumirá o comando dos Legionários de Cristo, órfãos de seu fundador Marcial Maciel, abalado por escândalos". Alternativas mais drásticas incluiam dissolver ou "re-fundar" a ordem.

Foram várias as especulações sobre o futuro dos Legionários desde o ano passado, quando líderes da ordem adimitiram que padre Maciel, aparentemente, levava uma vida dupla. Uma questão chave-- provávelmente abordada na visita apostólica-- era saber se os atuais líderes dos Legionários tinham conhecimento da conduta de seu fundador.

Cinco prelados foram nomeados para conduzir as investigações sobre a Legião: Arcebispos Charles Chaput de Denver e Ricardo Ezzato Andrello de Conception, Chile; e os Bispos Ricardo Blazques Perez de Valladorid, Espanha; Giuseppe Versaldi de Alexandria, Itália; e Ricardo Watty Urquidi de Tepic, México. Eles já concluíram as investigações.

Tradução: Apostolado Fora da Igreja não há Salvação
Fonte: catholicculture.org

Um comentário:

Stefano disse...

Fora de Jesus não há salvação!!
Só Jesus salva!! Mais nada!