segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Mons. Jonas Abib copia livro de Protestante sobre a Biblia

Está foto acima, é do livro "Como estudar a Biblia Sozinho" do pseudo pastor protestante Tim LaHaye, da editora Betânia. Em que Mons. Jonas Abib copiou para editar com sua autoria os dois livros "A Biblia foi escrita para você" e "A Bíblia no meu Dia a Dia". Qualquer semelhança "NÃO É MERA COINCIDÊNCIA".




Todas as idéias e até capitulos inteiros do livro de Tim LaHaye, foram copiados (o livro de Tim é de 1969).

Mons. Jonas Abib afirma como sendo uma Verdade: "A palavra explica a Palavra"
....................................................................................................................................................................
Uma legitima interpretação necessita da Igreja em seu magistério e sua Divina Tradição, pois somente o texto dá margem a muitos erros equivocos e afirmações de tolices sem limites.
...................................................................................................................................................................

Monsenhor Jonas Abib, no seu livrinho de bolso, "A Bíblia foi escrita para você", escreve heresias de Lutero descaradamente, e o pior que afirma como sendo " uma verdade". Fica interessante quando comparamos as afirmações do Monsenhor Jonas Abib com o Concílio de Trento, de São Pio V.


No livrinho, Monsenhor Jonas Abib, sobre o argumento de que a Bíblia é um livro de difícil interpretação e que pode levar os menos incautos a erros doutrinários graves, diz que devemos deixar de acreditar nisto pois:

"Não podemos continuar apoiando-nos na sabedoria de homens"[SIC!] (pg. 7)


Então, Monsenhor Jonas Abib considera o Sagrado Magistério, único que detém o Dom da interpretação da Verdade revelada para preservação da integridade da Fé, como sendo "sabedoria de homens". Então, Monsenhor Jonas Abib nega o Sagrado Magistério, como negam os protestantes.

Continua Mons. Jonas Abib:

"Mas nada e ninguém substitui a Palavra de Deus, colhida por nós, diretamente da Bíblia."

" A Palavra de Deus irá se esclarecendo por si mesma."[os destaques são meus] (pg.8)

Mais uma vez, a afirmação de que o cristão não necessita do Sagrado Magistério para interpretar as Verdades de Fé contidas na Bíblia. E para completar a tragédia, Mons. Jonas Abib vai afirmar que isto é uma VERDADE!!!

"Esta é uma verdade que muitos precisam entender: a Palavra explica a Palavra... A Palavra de Deus vai se explicando a si mesma ."[destaques são meus] (pg.8)

Impressionante a afirmação de Monsenhor Jonas Abib, não acha? Lutero ficaria orgulhoso!!!

Veja agora o que ensina São Pio V, no Concílio de Trento, Seção IV, parágrafo 786:

"Ademais, para refrear as mentalidades petulantes, decreta que ninguém, fundado na perspicácia própria, em coisas de fé e costumes necessárias à estrutura da doutrina cristã, torcendo a seu talante a Sagrada Escritura , ouse interpretar a mesma Sagrada Escritura contra aquele sentido, que [sempre] manteve e mantém a Santa Madre Igreja, a quem compete julgar sobre o verdadeiro sentido e interpretação das Sagradas Escrituras, ou também [ouse interpretá-la] contra o unânime consenso dos Padres, ainda que as interpretações em tempo algum venham a ser publicadas Os que se opuserem, sejam denunciados pelos Ordinários e castigados segundo as penas estabelecidas pelo direito."[destaques são meus]

Deus nos livre da heresia.

Regina sine labe originalis concepta, ora pro nobis.

Fred-BH

Mons. Jonas Abib, um perigo para FÉ!






13 comentários:

Anônimo disse...

Até que enfim alguém com raciocínio na ICAR. O Povo não é mais ignorante como no passado. Estamos no século XXI. Despertem!

Anônimo disse...

Salve Maria!
Bom trabalho Lazaro a expor um dos gravissimos delizes do pensamento digamos 'abibista' que esta estreitamente ligado ao modernismo que nao exime o pensamento pentecostal protestante. Mas um detalhe! Falar isso ao adeptos da cn, rcc e devotos de jonas abib é uma ofensa mais grave que para eles é de-se rasgar as vestes... nao foi atoa que expulsaram da canção nova até um catolico que os contestou. E é assim que o Vaticano2 gestou 'tolerantes' intolerantes.

O Bom Deus, por maos da Virgem Gloriosa faça justa justiça desmascarando 'catolicos' que carregam o catolicismo com capas.

Ad Majorem Dei GLoriam (A Deus toda e maior Glória).
Rodrigo

Anônimo disse...

"Fora da Igreja não Há salvação" Não está escrito na Bíblia pessoas que querem nos enganar querem que continuemos ignorantes e não conheçamos a Deus. Nenhum intermediário há entre Deus e o homem, após a morte redentora de Cristo. Isso sim está na Bíblia!
Cíntia - RJ

Anônimo disse...

Caro Lazaro peço que leia o livro da vida de Gloria Polo e depois vc pode tentar fazer alguma apologia a nossa igreja .Mas leia com muita muita mas muita atenção mesmo.

Lázaro Laert disse...

Sim, eu vou procura este livro.

Mas qual é o seu nome?

Fique com Deus!

Anônimo disse...

Não estou aqui para contestar opinião, pois vocês já se colocaram a fazer isso. Minha opinião é que a CN chama muita atenção, e existem "Católicos"(entre aspas) que simplismenten não conseguem olhar a realidade do HOJE, Jesus sempre pregou o HOJE e não o ontém, alguns como vocês vivem presos em tradições, se antigamente estavamos certos porque se hove tanta guerra? onde estavam os combatentes do bom combate? Hoje vejo guerreiros na Canção Nova que colocaram suas vidas a serviço da HUMANIDADE, já perceberam que a TV Canção Nova não tem comercial? eles precisam mais das nossas ajudas do que de nossas criticas, é um excelente trabalho, uma obra de Deus, é só pisar naquela terra que se percebe que ela é santa. Desculpe ir contra vocês, mas temos muito mais a combater do que a nós mesmos. Abraços, Paz e bem.

Anônimo disse...

Amado irmão...Eu sou Católica praticante e passando por aqui senti que deveria deixar o meu comentário..."Amemo-nos uns aos outros, pois o amor vem de Deus"...Vamos nos unir! Vamos gastar as nossas forças combatendo tantas outras coisas que estão por ai arrancando as almas da Graça de Deus! Vc evangelizaria mais e tocaria mais os corações se falasse de amor no seu blog...Ele esta cheio de Criticas destrutivas, agressivas, cheias de ódio e revolta e isso não é Igreja porque o Magistério que tanto vc defende nos chama a Caridade Fraterna e falta isso no que vc escreve.Consiga o catocto do Pe.Abib ou de qualquer outro que vc queira exortar e faça isso com amor sem deixar de expor o seu ponto de vista, seria mais evangélico, mais Católico...Pense nisso!

Anônimo disse...

Eu espero que nenhuma pessoa de outra denominação veja seu blog...Seria uma vergonha para nós Católicos. Nas entrelinhas, nos vãos das palavras que vc escreve "defendendo" a sua religião está a revolta de Lucifer! Isso sim é fumaça de Satanas...Vc esta usando o magisteria, a doutrina, a tradição, a palavra de Deus para camuflar a sua revolta e inveja.Cuidado!Seremos julgados pelas nossas intenções!

ALE disse...

SALVE MARIA !
PARABENS AO NOSSO BLOG,DEFENDAM SEMPRE Á ROMA ETERNA QUE FOI ASSALTADA PELOS MODERNISTAS,VCS SÃO ENGRAÇADOS TUDO QUE ROMA EDIFICOU EM 1968 ANOS DE PURA DOUTRINA RETA E AGORA DEPOIS DESTE CONC.´PASTORAL E NÃO DOGMATICO É PARA ESQUEÇER DE TUDO?

Carine disse...

Estou pasma com tanta ignorância a respeito do pe. Jonas Abib, todos temos o dever SIM e o DIREITO, de lera a bíblia, um cristão que não conhece a bíblia é cristão?

José Luís Alves da Rocha disse...

Prezado irmão na fé!

Encontrei esse texto e penso que é importante lembrar que devemos respeitar o trabalho de muitos religiosos e religiosas coordenados pelo mons. Jonas Abib.
Veja bem nosso senhor Jesus Cristo nos fala no Santo Evangelho que devemos julgar a árvore por seus frutos (Mateus cap. 7) e uso esse conselho do Senhor para avaliar o que se me apresenta.
Saiba que na Canção Nova existe uma capela de confissões, assim como na Basílica de Aparecida. Isso promove um número considerável de confissões (como deve ser e normalmente acontece nos lugares de peregrinação verdadeiramente católicos), num mundo católico onde é raro encontrarmos um padre que dê uma "horinha" do seu dia para plantão de confissões, lá há um plantão nas manhãs e tardes (assim como em Aparecida), são muitos os afastados do Catolicismo que se reconciliam com Deus nesse lugar. São muitas Santas Missas Santas Eucaristias, rezas do Terço, adoração 24hs ao Santíssimo permanente... Esses são os frutos do mons. Jonas Abib.
Então cada um tire suas conclusões.

A todos a Paz de nosso Senhor Jesus Cristo e o Amor de Maria nossa Mãe e Senhora com suas bençãos protetoras!

Um seminarista disse...

Na falta de argumentos o autor usa em demasiado de recursos visuais extravagantes e que incomodam a visão do leitor.
Conselho meu: Se quiser ser levado a sério, escreva tudo usando uma única fonte (o que inclui tipo e tamanho) em uma única cor (não transforme seu texto em uma bandeira do movimento LGBT).

In cor Iesu semper.

crtallon disse...

Bom, eu li o livro " A Bíblia no meu dia a dia" e não entendi dessa maneira quando o monsenhor diz que a " bíblia explica a Bíblia". Eu entendi que há relação entre as leituras, tanto entre livros, quanto entre testamentos. Mas, de fato, se deve tomar cuidado com o que se diz ou escreve, para não criar confusão principalmente nos menos esclarecidos.